The Best

The Best

terça-feira, 16 de maio de 2017

Jobope fala sobre “vida dura” dos garis e rende homenagem

A rotina de trabalho é exaustiva. Faça chuva ou faça sol, lá estão os garis prontos para mais um dia de luta. Com vassoura na mão e um chapéu ou boné na cabeça para se proteger do sol, lá se vão eles cheio de disposição e sorriso no rosto para mais um dia de atividade.

“Trabalho muito feliz e satisfeita. Pra te falar a verdade, agradeço a Deus todos os dias pela minha profissão. Sou gari e não tenho vergonha de dizer isso. Trabalho é trabalho e esse é o meu. Brinco com todo mundo, converso com todo mundo e sou feliz com o que faço”, afirmou Sirlene Coelho, que tem 30 anos de profissão
.
“Somos muito privilegiados por termos esses profissionais tão importantes e necessários para a sociedade. Apesar da vida dura, eles estão sempre dispostos a nos ajudar. Parabéns a todos os garis por este dia. Vocês merecem todo o nosso respeito e sempre terão. Vocês que acordam todos os dias e driblam as dificuldades para dar o seu melhor. Obrigado por prestarem um excelente serviço ao nosso município”, agradeceu Jobope.

A lembrança pelo Dia do Gari e as comemorações recebidas nesta terça-feira (16), na garagem da Prefeitura, fizeram com que Zé Osmário se emocionasse e se sentisse mais valorizado. “Lembraram da gente no dia do gari, que coisa boa!” admirou-se Osmário. “Nos últimos 4 anos a gente era esquecido e hoje tivemos essa festança. Tá todo mundo feliz, todo mundo mesmo. Só temos a agradecer a todos” finalizou sorridente Zé Osmário, de 39 anos.

Comunicação Prefeitura de Mairi